sexta-feira, 31 de maio de 2013

terça-feira, 21 de maio de 2013

PARA ENTENDER DE VEZ O QUE É ORGÂNICO



Promover qualidade de vida com proteção ao meio ambiente. Este é o objetivo da produção orgânica vegetal e animal. Sua principal característica é não utilizar agrotóxicos, adubos químicos ou substâncias sintéticas que agridam o meio ambiente. Para ser considerado orgânico, o processo produtivo contempla o uso responsável do solo, da água, do ar e dos demais recursos naturais, respeitando as relações sociais e culturais. O Brasil já ocupa posição de destaque na produção mundial de orgânicos.

Dois conceitos são fundamentais na produção orgânica: a relação de confiança entre produtor e consumidor e o controle de qualidade. O selo SisOrg é obtido por meio de uma Certificação por Auditoria ou por um Sistema Participativo de Garantia. Os agricultores familiares são os únicos autorizados a realizar vendas diretas ao consumidor sem certificação, desde que integrem alguma organização de controle social cadastrada nos órgãos fiscalizadores.

A Coordenação de Agroecologia (Coagre), da Secretaria de Desenvolvimento Agropecuário e Cooperativismo (SDC), é o setor do Ministério da Agricultura que responde pelas ações de desenvolvimento da agricultura orgânica. Tem como funções a promoção, o fomento, a elaboração de normas e a implementação de mecanismos de controle.
(Informações retiradas do site do MAPA)

Principais razões para consumir orgânicos 

  •   1) Faz bem a saúde.
  •   2) Os alimentos contêm mais nutrientes
  •   3) As substâncias químicas ficam fora do seu prato.
  •   4) Sua comida fica mais saborosa.
  •   5) Protege as gerações futuras.
  •   6) Restaura a biodiversidade.
  •   7) Protege a qualidade da água.
  •   8) Reduz o aquecimento global e economiza energia.
  •   9) Ajuda a manter as pequenas propriedades agrícolas.
  • 10) É um exercício de cidadania.